quinta-feira, 28 de novembro de 2013

A vida atual exige uma mentalidade de segurança

Será que vale a pena ler isso? Você pode perguntar... Eu acho que sim!

Aprendi que na vida as pessoas devem ter uma “mentalidade de segurança” para se proteger. Somente assim você conseguirá de forma efetiva evitar, dificultar as ações de marginais ou diminuir a possibilidades de acidentes ou outros riscos, para você e sua família.

Alguns cuidados podem ser importantes para que você saia imune ao perigo ou evite ao máximo as situações de risco. Já que não podemos colocar tudo em cadeados, nos trancar em casa eternamente e ficar totalmente blindado contra os perigos de uma violência urbana crescente, é importante que tomemos consciência de alguns procedimentos que poderão nos ajudar em determinadas situações. Procure ler as medidas e transmitir para seus amigos e familiares.

Entenda bem: ter uma mentalidade de segurança é a pessoa ficar de tal maneira condicionada a prestar atenção aos cuidados a serem mantidos e ações para serem adotadas em circunstâncias diversas. Assim tudo passará a fazer parte como se fosse um reflexo condicionado, podemos dizer.

QUANDO VOCÊ ESTÁ NO CARRO

Não deixe as chaves no contato (ignição) de seu carro, ainda que seja por alguns momentos, nem entregue-as a pessoas entranhas.

• Obedeça às regras de trânsito.
• Quando dispondo de local seguro e acesso individual, copiar documentos originais do veículo, fazendo uso da fotocópia devidamente autenticada pelo órgão do DETRAN. Não trazendo consigo assim, os documentos originais de seu veículo.
• Quando seu veículo apresentar defeito chame um mecânico de sua confiança.
• Caso sofra algum tipo de acidente, batida leve, tanto com outro veículo ou com motocicletas registre sempre um Boletim de Ocorrências (BO) para evitar possíveis de denúncias posteriores.

EM CASA

• Verificar portas e janelas, deixando-as devidamente trancadas.
• Reforçar todas as fechaduras das portas e janelas, se possível use obstáculos.
• Não abrir portas para estranhos. Exigir identificação dos empregados avulsos, tipo lavadeira, faxineira, conserto de telefone, vendedores e entregadores de frutas, pizzas, etc.
• Não entregue as chaves de dependências da casa à secretária do lar, ou serviçais de qualquer natureza. E não receba encomendas quando não solicitadas ou que suscitem procedência estranha.
• Evite guardar em sua casa dinheiro e valores desnecessários (jóias, telas, etc.).
• Em caso de dúvida consulte a Polícia Civil (ver telefones e endereços).
• Mantenha também sempre à mão os telefones de Emergência da Polícia. Conheça a localização da delegacia de Polícia de seu bairro. Instrua seus familiares e serviçais de como proceder em caso de perigo iminente ou de simples observação de suspeitos nas imediações.

PREPARO PARA VIAJAR

• Evitar evidenciar esse objetivo à vista de pessoas e nem deles fazer ciência, a não ser ao vizinho de maior confiança.
• Verificar o veículo antes de partir, bem como os documentos e equipamentos obrigatórios (pneus, bagagens, e passageiros).
• Não conduzir à vista, em veículos, objetos valiosos ou pacotes.
• Evitar pedir ou dar “caronas” a estranhos, bem como manter as portas do carro travadas, os vidros levantados e usar o cinto de segurança.
• Em viagem, quando no hotel, guardar seus valores nos cofres.
• Evitar bebida alcoólica e/ou substância tóxica ao dirigir veículo.
• Evitar andar sozinho ou transitar em lugares ermos.

AO ANDAR NA RUA

• Evite distrair-se, mantendo-se sempre alerta.
• Não usar jóias ou objetos que despertem atenção.
• Muitas vezes o pretexto de esmola, explicações de superstições, ambientes de apostas e explicações de crendices constituem-se em ambientes propícios a vigaristas e estelionatários. Evite esses ambientes.
• Não deixe sua bolsa ou objetos em lugares de freqüência pública.
• Andar armado sem a devida permissão legal é crime.

CRIANÇAS E IDOSOS

• Crianças e pessoas da terceira idade não podem andar sozinhos ou acompanhar-se de pessoas estranhas.
• Orientar os filhos a não atender a solicitação de estranhos e não aceitar passeios, convites ou presentes, tais como balas, pipocas, etc.
• Estar sempre atento ao comportamento do filho nas suas relações de amizade, particularmente nas de Colégio e de passeios.
• Com filhos na idade escolar, acompanhá-los na entrada e saída do Colégio.
• Instruir seu filho a evitar contato com vendedores de Colégio.

CARTÕES DE CRÉDITO

• Não guardar o cartão de crédito junto com a senha no mesmo lugar, e não entregá-lo a estranhos.
• Ao usar caixa eletrônico, evite movimentos que transpareçam a senha digitada.
• Evitar favor de pessoas estranhas no manuseio de seu cartão magnético.
• Diante de perda, furto ou roubo de seu cartão magnético e/ou documentos similares, prestar queixa imediatamente à Delegacia de Polícia mais próxima e comunicar a instituição a ele vinculado.
• Ao utilizar o cartão magnético em equipamentos que usem carbono, rasgue-o (o carbono) e guarde consigo a segunda via para evitar clonagem.
• Não fornecer por telefone dados pessoais ou números de documentos, assim como horários de saída e chegada em casa.
• Não discar em seu telefone números solicitados.
• Use a opção de ser informado por telefone de qualquer lançamento em sua conta bancária.

CUIDADOS FISCAIS

• Ao comprar mercadorias, observar se os dados da nota fiscal coincidem com o endereço determinado.
• Ao emitir cheques, evitar espaços em branco, alterações ou rasuras.

PARA TODOS OS CASOS

• Em qualquer local em que se encontre não reagir diante de um assalto.
• E em caso de emergência, chame a Polícia logo que você puder.

Veja também nas redes sociais:


Nenhum comentário:

Postar um comentário